.Many Happy Returns, Marjut Rimminem

Many Happy Returns trata do trauma da deformidade. uma deformidade que Marjut Rimminem (1944) se inspirou em sua própria história de vida para fazer o filme, quando parou de desejar ser o papel principal nas peças de teatro da escola, em menina, e passou a desenvolver sua própria imaginação. ela nos conta que quando decidiu ser cineasta e fazer cinema de animação percebeu que podia ser todos os papeis ao mesmo tempo e não ser apenas a menina do papel principal. Marjut tem uma maneira peculiar de olhar. ela possui um grau de deficiência visual desde a infância e pelas dificuldade que passou pela aparência física que possuía, decorrente da deficiência, decidiu fazer dessas dificuldades a sua maneira de fazer arte.

o filme nos mostra o mal causado à uma menina, um mal que é, sobretudo, mental. uma menina que tem de ver e testemunhar fatos difíceis e traumatizantes na infância. por esses traumas, sua visão é machucada física e psicologicamente, mas Marjut Rimminem nos elucida que a animação diz respeito exatamente aos choques emocionais, não tanto sobre à própria deformidade da menina.

Leaver a comment